17 de janeiro de 2015

Os desafios da integração sul-americana: autonomia e desenvolvimento

Por Glauber Cardoso Carvalho


Os desafios da integração sul-americana: autonomia e desenvolvimento. [livro eletrônico]
Organização: Ingrid Sarti, José Renato Vieira Martins, Monica Leite Lessa e Glauber Cardoso Carvalho. Rio de Janeiro: FoMerco / Letra e Imagem, 2014.



O título do post é, na verdade, o título da última publicação do Fórum Universitário Mercosul - FoMerco, da qual eu tive a oportunidade de participar da organização. Aproveito o espaço, portanto, divulgar que a edição em E-pub está disponível no site ou no link acima (estamos esperando uma edição revista em PDF  em breve).

Nas palavras da prof. Ingrid Sarti (UFRJ e presidenta do FoMerco), que assina a introdução, o livro reúne uma seleção de textos e depoimentos que buscam analisar as implicações, os problemas e os avanços do processo de integração da América do Sul no século XXI. Foram extraídos dos simpósios e painéis realizados durante o XIV Congresso Internacional do Fórum Universitário Mercosul – FoMerco, em 2013, na Universidade Federal do Tocantins, em Palmas, e agora se somam à produção originada no âmbito dos sete últimos Congressos Internacionais do FoMerco.

Intelectuais e pesquisadores oriundos de diferentes instituições e nacionalidades muitas vezes divergem nas avaliações do processo da integração sul-americana vigente. Contudo, há um ponto de partida conceitual comum à literatura desenvolvida pelos colaboradores do FoMerco. Trata-se do reconhecimento de que se inaugura um ciclo virtuoso na política do continente, como estratégia de inserção soberana da região e condição de superação do tradicional papel subalterno de periferia do capitalismo a que foi relegada desde seus primórdios, quando se elege a autonomia da política externa associada ao propósito do desenvolvimento econômico-social. Em suma, um marco conceitual de integração que se apoia sobre uma noção de autonomia dada pela afirmação dos blocos regionais e pela recusa dos acordos de livre-comércio bilaterais, principalmente com as potências hegemônicas. (Leia toda a apresentação no livro)

Conheça também o site do FoMerco - www.fomerco.com.br

Curta a página do Facebook: www.facebook.com/fomerco

Boa leitura!


Nenhum comentário:

Postar um comentário